Ser Humano

Corpo Humano
Hardware

O Corpo Humano é comparado a um computador (hardware) onde o Espírito instala um software que foi desenvolvido por si mesmo e é aperfeiçoado e atualizado constantemente pelos Pensamentos, Sentimento, Palavras e Ações.

Um Software necessita de um determinado tipo de Hardware para rodar, Um Espírito necessita de um determinado Corpo Físico para encarnar.

O Espírito molda seu próprio Corpo Físico de acordo com sua bagagem adquirida através de suas diversas vivências encarnatórias em seus milênios de existência.

EVOLUÇÃO NO TEMPO - É assim que dos organismos monocelulares aos organismos complexos, em que a inteligência disciplina as células, colocando-as a seu serviço, o ser viaja no rumo da elevada destinação que lhe foi traçada do Plano Superior, tecendo com os fios da experiência a túnica da própria exteriorização, segundo o molde mental que traz consigo, dentro das leis de ação, reação e renovação em que mecaniza as próprias aquisições, desde o estímulo nervoso à defensiva imunológica, construindo o centro coronário, no próprio cérebro, através da reflexão automática de sensações e impressões, em milhões e milhões de anos, pelo qual, com o Auxílio das Potências Sublimes, que lhe orientam a marcha, configura os demais centros energéticos do mundo íntimo, fixando-os na tessitura da própria alma.


Contudo, para alcançar a idade da razão, com o título de homem, dotado de raciocínio e discernimento, o ser, automatizado em seus impulsos, na romagem para o reino angélico, despendeu para chegar aos primórdios da época quaternária, em que a civilização elementar do silex denuncia algum primor de técnica, nada menos que
um bilhão e meio de anos

Isso é perfeitamente verificável na desintegração natural de certos elementos radioativos na massa geológica do Globo. 

E entendendo-se que a Civilização aludida floresceu há mais ou menos duzentos mil anos, preparando o homem, com a bênção do Cristo, para a responsabilidade, somos induzidos a reconhecer o caráter recente dos conhecimentos psicológicos, destinados a automatizar na constituição fisiopsicossomática do espírito humano as aquisições morais que lhe habilitarão a consciência terrestre a mais amplo degrau de ascensão à Consciência Cósmica. 

* (Na Esfera Espiritual, em que estagiamos, o elétron é também partícula atômica dissociável.  -  Nota de André Luiz)

* As expressões "Plano Físico" e "Plano Extrafísico", largamente usadas nestas páginas, foram utilizadas por nós, à falta de termos mais preciosos que designem as esferas de evolução para os Espíritos encarnados e desencarnados, pertencentes ao "habitat" planetário. - Nota de André Luiz.

(Evolução em Dois Mundos, III, André Luiz/Chico Xavier/Waldo Vieira, FEB)


O corpo humano, realização paciente da Sabedoria Divina, nos milênios, templo da alma, em temporário aprendizado na Terra.

Até agora, de modo geral, o homem não tem sabido colaborar na preservação e na sublimação do castelo físico

 

Enquanto jovem, estraga-lhe as possibilidades, de fora para dentro, desperdiçando-as impensadamente,  e, tão logo se vê prejudicado por si mesmo ou prematuramente envelhecido, confia-se à rebelião, destruindo-o de dentro para fora, a golpes mentais de revolta injustificável e desespero inútil.
 

Dia surge, porém, no qual o homem reconhece a grandeza do templo vivo em que se demora no mundo e suplica o retorno a ele, como trabalhador faminto de renovação, que necessita de adequado instrumento à conquista do abençoado salário do progresso moral para a suspirada ascensão às Esferas Divinas.

 

A mente de Deus cria sem cessar, e a mente humana, por sua vez, é co-criadora, preservando ou torpedeando as células da organização física, tanto quanto delicados equipamentos psíquicos.

 

A saúde, desse modo, além de decorrer dos compromissos cármicos em pauta, resulta das ondas mentais elaboradas e mantidas.

 

Sendo cada célula portadora de uma “consciência individual”, ela vibra ao ritmo da consciência do ser, que lhe oferece as energias que lhe dão vida ou que lhe produzem desarmonia.

 

O corpo humano não deixa de ser a mais importante moradia para nós outros, quando compelidos à permanência na Crosta.

 

Não podemos esquecer que o próprio Divino Mestre classificava-o como templo do Senhor.

 
O corpo humano contém cerca de 100 trilhões de células.
Ou seja, você tem cerca de 100 trilhões de seres sob seu comando e responsabilidade.


Principais componentes das células

  • Água - 85%
  • Proteínas - 10%
  • ADN (DNA) - 0,4%
  • ARN (RNA) - 0,7%
  • Lípidos - 2%
  • Outros compostos orgânicos - 0,4 %
  • Outros compostos inorgânicos - 1,5%

 

  • O tamanho de célula típico é o de 10 µm (micrometro)
  • O corpo humano tem em média 70% de água.
 

 

O QUE É O DNA ?

São fitas de uma substância química orgânica denominada ácido desoxirribonucleico, que contêm os códigos para a fabricação de todas as proteínas do nosso organismo, determinando todas as características genéticas dos indivíduos, como a cor dos olhos, dos cabelos, da pele, os grupos sangüíneos a altura, etc.

Essas fitas de DNA, localizadas no núcleo das células, se esticadas medem cerca de 2 metros de comprimento. 

Portanto, para caber em uma célula, o DNA é enrolado muitas vezes e forma uma estrutura denominada cromossomo. Cada célula do nosso organismo possui 46 cromossomos, sendo que 23 recebemos de nosso pai e 23 de nossa mãe.

Nos cromossomos, além das porções que codificam proteínas, temos regiões que, até onde se sabe, não codificam nada. 

Nessas porções, o DNA é formado por pedaços idênticos que se repetem inúmeras vezes, ou seja, um fragmento de DNA que tem várias cópias arranjadas uma em seguida a outra. 

Essas regiões são denominadas VNTRs (Variable Number of Tandem Repeats) uma mulher pode ter 4 cópias de um determinado VNTR, no cromossomo que recebeu de sua mãe e isso vai fazer com que esse segmento de DNA tenha um determinado tamanho. 

No cromossomo paterno dessa pessoa pode haver 8 cópias desse VNTR, o que vai fazer com que esse fragmento tenha o dobro do tamanho. 

Outro indivíduo, nesse mesmo cromossomo pode ter 10 e 15 cópias desse mesmo VNTR, que fará com que os seus segmentos de DNA sejam maiores do que os da pessoa anterior.

Baseando-se nas diferenças de tamanho desses segmentos de DNA (VNTR), podemos distinguir uma pessoa da outra e estabelecer o pai biológico de uma criança. 

Por exemplo, se o casal acima tiver um filho ele deverá ter recebido de sua mãe um fragmento de 4 ou 8 cópias e de seu pai um fragmento de 10 ou 15 cópias.

 
  
Veja Aqui sobre DNA
, o segredo da vida. Aqui encontram-se os segredos ESPIRITUAIS. 

Cada um de nós possui a sua própria sequência dos 3000 milhões de pares de letras com que se constrói um ser humano.

Temos cerca de 3 bilhões de PARES BASES combinadas em nosso código genético ATCG

A = ADENINA

T = TIAMINA

C = CITOSINA

G = GUANINA

DNA- em seres humanos assim como em outros organismos, uma molécula de DNA consiste de dois filamentos que descrevem a forma de uma hélice dupla que se enrolam, composta de açúcar e moléculas de fosfato, elas se interconectam através de degraus ou fases de nitrogênio-contendo elementos químicos chamados de bases. 

Cada filamento ou hélice contitue-se em uma organização de unidades similares repetidas chamadas nucleotídeos, que são compostos de um açúcar, um fosfato e uma base nitrogenada. 

Quatro diferentes bases estão presentes no DNA : Adenina (A), Tiamina (T), Citosina (C) e Guanina (G). 

A ordem especifica na qual elas se organizam ao longo do açúcar-fosfato e chamada de seqüência do DNA. 

A seqüência especifica as instruções genéticas requeridas para criação de um organismo especifico, que possui características únicas. 

As duas hélices do DNA são mantidas unidas por ligações frágeis entre as bases de cada hélice, formando os pares de bases (bp). 

O tamanho do Genoma e normalmente definido pelo numero total de pares de bases. 

O genoma humano contem aproximadamente 3 bilhões de pares de bases. 

Cada vez, cada célula se divide em duas outras células, com isto seu genoma é duplicado, para seres humanos e outros organismos complexos, esta duplicação ocorre no núcleo. 

Durante a divisão da célula a molécula de DNA se divide e as ligações frágeis entre os pares de bases se quebram, permitindo que as hélices se separem. 

Cada hélice participa diretamente da síntese de uma hélice suplementar, com novos nucleotídeos se ligando com suas bases complementares em cada hélice separada. 

Regras especificas para associação de pares de bases pode ser compreendidas da seguinte forma : 

Adenina se combina com a Timina (A-T) e a Citosina com a Guanina (C-G). 

Cada célula advinda do processo de divisão da célula que lhe deu origem recebe um pedaço antigo e outro pedaço novo da hélice que contem o DNA. 

Tal procedimento garante que a nova célula possuíra em uma das hélices a copia exata do DNA da célula que lhe deu origem. 

Isto minimiza a incidência de erros (mutações) que poderiam acabar afetando a concepção e/ou funcionamento do organismo resultante.

Nós temos cerca de 300 trilhões de cópias da hélice dupla (DNA) em nosso corpo.

A molécula de DNA é tão fina que só é possível vê-la sob alta poderosos microscópios eletrônica. 

Para obter um senso de exatamente qual o tamanho de uma molécula de DNA é comparada a uma típica célula, uma célula é ampliada 1000 vezes. 

Nessa escala, o comprimento total do conjunto do DNA no núcleo da célula seria 3 km.

O genoma humano compreende as informações contidas em um conjunto de cromossomos humanos e eles contêm cerca de 3 mil milhões de pares base (pb) de DNA em 46 cromossomos (22 pares autosome + 2 cromossomos sexuais). 

O comprimento total do DNA presente em um homem adulto é calculada pela multiplicação de

 (comprimento de 1 pb) (número de células por pb) (número de células do corpo)

 (0,34 × 10 -9 m) (6 × 10 9) (10 13)

 2,0 × 10 13 metros

 Isso é o equivalente a cerca de 70 viagens a partir da terra para o sol e volta.

 2,0 × 10 = 13 metros de unidades astronomicas 133.691627

 133.691627 / 2 = 66.8458135 viagens à volta do sol

 Em média, um único cromossoma humano consiste Molécula de DNA que é quase 5 centímetros.


Todas suas vivências estão gravadas nos seus DNA. 

Em cada um deles. 

Lembrando, tudo que esta em cima esta em baixo.

Leia Aqui sobre DNA e emoções